Quando a noiva entra com a mãe

Quando a noiva entra com a mãe

A entrada da noiva é um dos momentos mais esperados da cerimônia e, tradicionalmente o pai entrega sua filhinha ao futuro marido. Já falamos de como é difícil quando o pai não está presente nesse momento e as várias pessoas que podem segurar a mão da noiva e levá-la até o altar, mas resolvi falar um pouquinho da minha opção preferida nesses casos: quando a noiva entra com a mãe.

Read More

Quem vai levar as alianças?

Quem vai levar as alianças?

O cortejo do casamento é cheio de detalhes e apesar de parecer ser cheio de regras, pode variar bastante de um casamento para o outro. A ajuda de um cerimonial é fundamental para cuidar de cada um dos pontos, montar um cortejo bonito e evitar que ocorra alguma confusão. É preciso definir a quantidade de casais de padrinhos, o momento da entrada das crianças e o que cada um vai levar, quem vai entrar com os noivos e se vai haver mais alguma entrada especial. Um dos pontos a ser definido é quem levará as alianças e se essa entrada vai ser no início do casamento, ou na hora da troca dos votos. Eu gosto muito de coisas que fazem sentido e tem um significado especial, principalmente em um momento tão simbólico como o casamento, então sugiro que os noivos escolham alguém importante e muito querido pelo casal.

Apesar de nunca ter tido dúvidas sobre quem levaria as minhas, durante a organização do casamento vi várias opções diferentes e algumas dicas em relação a cada uma delas.

Read More

Quando falta alguém

Quando falta alguém

O casamento é um momento lindo no qual os noivos declaram o amor e a vontade de ficar juntos para todas as pessoas queridas. É uma delícia ter todo mundo ali, abençoando o casal e desejando as melhores coisas do mundo, mas quando falta alguém, a falta é grande e insubstituível.

É um desafio, cada um tem um jeito de lidar com isso e cada história é uma história, mas acredito que o melhor a ser feito é não deixar que a saudade e a ausência transformem esse dia lindo em um dia triste. Não estou dizendo que é fácil, chega a doer chamar de ausente alguém que, ainda que só no coração, continua tão presente, mas existem algumas formas de homenagear quem a gente ama e deixar essas pessoas mais pertinho nesse dia. É gostoso sentir que elas fizeram parte disso, não é?

Um objeto que ele gostava muito, uma flor preferida no buquê, alguma coisa que represente a história de vocês, uma foto, um prato no cardápio, um brinde, uma música, uma oração. As opções são infinitas e, na minha opinião, quanto mais pessoal e cheio de significado, mais bonito.

Colocar um relicário com foto no buquê é uma das formas mais comuns, especialmente quando quem tá faltando é o pai da noiva, já que a entrada na cerimônia é um momento tão importante para os dois. Eu fiz isso e amei ter feito!

Read More

A entrada da noiva… Com quem será?

A entrada da noiva… Com quem será?

Ah, a entrada da noiva…

Toca a marcha nupcial, abre a porta e você está lá, maravilhosa no seu vestido de noiva, de braços dados com seu pai emocionado, e ele te leva até o amor da sua vida que te espera no altar. É um sonho mesmo e talvez um dos momentos mais emocionantes de um casamento.
O problema é quando o pai não está presente (por qualquer um dos motivos possíveis) e a noiva fica sem saber o que fazer. É um dia importante, delicado, cheio de sentimentos e essa escolha complicada acaba sendo geralmente triste.

Entrar sozinha é, muitas vezes, a primeira opção que vem à cabeça, afinal de contas, o seu pai é insubstituível e a ideia de colocar alguém no lugar que seria dele chega a doer. É uma escolha linda, emocionante e muito corajosa, afinal a emoção, o nervosismo e a ansiedade deixam os sentimentos à flor da pele e podem tornar esse momento ainda mais difícil. Além disso, a entrada sozinha pode evidenciar ainda mais a ausência e a saudade, transformando esse momento lindo em um momento triste. Pense com carinho, cuidado e siga o seu coração, não vai ter erro.

Read More