Quando a noiva entra com a mãe

A entrada da noiva é um dos momentos mais esperados da cerimônia e, tradicionalmente o pai entrega sua filhinha ao futuro marido. Já falamos de como é difícil quando o pai não está presente nesse momento e as várias pessoas que podem segurar a mão da noiva e levá-la até o altar, mas resolvi falar um pouquinho da minha opção preferida nesses casos: quando a noiva entra com a mãe.

Não preciso nem dizer o quanto a mãe da noiva tem um papel fundamental nos preparativos né? Eu sei que os relacionamentos variam muito e que não existe nenhuma regra, mas é difícil uma mãe não se envolver e não se emocionar com o casamento da filha. Além disso, geralmente é a mãe que está ali do lado, dia após dia, superando os problemas e dividindo as alegrias, então nada mais justo e gostoso que poder contar com ela nesse momento tão importante também.

Já comentei algumas vezes que não tenho mais o meu pai por perto e que a entrada na cerimônia foi uma parte bem difícil. Muitas pessoas me ofereceram para entrar comigo, mas eu sabia desde o começo que queria entrar com a minha mãe. Nós somos muito amigas, companheiras e faria todo o sentido do mundo tê-la do meu lado, representando o meu pai e me levando até o altar. Quando conversei com ela sobre isso, entre as tantas coisas lindas que ela respondeu, lembro dela falando duas coisas esquisitas: que a mãe da noiva deveria usar um vestido escuro para “simular” um terno (não tem nada disso!) e que a entrada com a mãe não era muito comum.

Pensando nisso, separei algumas fotos lindas para inspirar vocês e para mostrar que essa prática é mais comum do que imaginam!

Independente de qual seja o motivo, é sempre emocionante quando a noiva entra com a mãe, né? E antes que alguém dê um palpite esquisito por aí, o vestido pode ser da cor que elas quiserem e se sentirem mais bonitas!

Comente ♥