Dicas sobre as fotos externas

Vocês já seguem o Caso eu case no Instagram? Essa semana mostrei no Stories um pouquinho do ensaio de fotos que fiz para comemorar meu aniversário de casamento, que será no dia 3 de outubro. Vale contar que eu e meu marido somos muito tímidos, tão tímidos que nem fizemos fotos externas na época do casamento, e a experiência foi INCRÍVEL. Muito, muito melhor que eu esperava, de verdade. Foi um dia gostoso, divertido e além das fotos, vou ter lembranças lindas desse momento. Já estou morrendo de ansiedade pra ver o resultado e, enquanto isso, resolvi dar algumas dicas sobre as fotos externas, para facilitar a vida de quem tá cheio de dúvidas e inseguranças sobre isso.

E como eu recebi um tanto de mensagem de vocês (eu amo!) falando que já estavam doidas para ver o resultado, vou adiantar duas só pra dar um gostinho… o ensaio completo só no dia 03!

♥ Escolha um fotógrafo que você ame

Sei que parece que as pessoas falam isso por falar, mas faz a maior diferença do mundo escolher um fotógrafo que vocês se identifiquem, tanto profissional, quando pessoalmente. Vale a pena ver se o estilo combina com vocês, se o olhar e as fotos te agradam, se o papo e a companhia são agradáveis… É verdade! Se vocês ficarem à vontade e confiarem no que ele propõe, eu garanto que será muito mais fácil, mais natural e bem mais gostoso.

Não preciso nem falar o quando eu amo o trabalho do Fernando Lutterbach, né? Se derem uma passeada pelo blog, vão ver que não vai ser difícil encontrar fotos dele ilustrando o post. Tenho certeza que foi a melhor escolha, que as fotos vão ficar incríveis e que o dia só foi tão bom porque ele e a Carol estavam lá com a gente.

Capriche no cabelo e maquiagem

Caprichar não significa exagerar, hein gente? A maquiagem para as fotos externas precisa combinar com a proposta, com o horário e o local que vocês escolheram. Quando falo para caprichar, é no sentido de fazer uma maquiagem que te faça se sentir linda. Vale a pena escolher um profissional bom e referências que combinem com você e te deixem segura. Lembrem-se que se vocês não gostarem do resultado do cabelo ou da maquiagem, provavelmente irão ficar incomodadas quando virem as fotos.
Também mostrei nos stories que fui me arrumar lá no estúdio da Clarisse Padilha e eu não poderia ter amado mais. O cabelo ficou romântico e confortável, do jeitinho que eu queria e a maquiagem ficou linda, leve e natural. Ela usou o aerógrafo (ou airbrush), uma técnica que ajuda a maquiagem a durar mais e fiquei impressionada. Mais de 12 horas depois, ainda estava linda. Vontade de nunca mais tirar! Rs

Cuidado na hora de escolher o que vestir

Eu tive muita dificuldade para escolher o que usaria no ensaio e depois de vestir uns 30 vestidos no shopping, decidi usar um vestido da Cosh que eu amei de paixão. Acho que o mais importante é usar algo que te dê segurança, disfarce o que você não gosta e realce o que acha mais bonito.
Além disso, a Carol (do Lutterbach) me deu várias dicas, me ajudou o tempo todo pelo whatsapp e isso foi fundamental. No final das contas, minhas principais dicas sobre as roupas são:

– Escolham looks que conversem entre si. Os dois não precisam usar a mesma cor, até para não ficar combinadinho demais, mas é bom escolher cores e estilos que se complementem. Imagina só, a mulher toda arrumada com roupa de festa e ele de bermuda e camisa de futebol.

– Evitem estampas, principalmente as que destaquem demais. A atenção tem que ser em vocês e, além disso, os cenários já costumam ter diversas cores e texturas, então é bom tomar cuidado para não ficar informação demais nas fotos.
– Cuidado com os detalhes como as unhas, sapatos, pernas e tudo mais que possa ser fotografado de perto.
– As roupas e sapatos devem ser escolhidos de acordo com o local, o horário e a estação do ano.

 ♥ Entrem no clima

Eu sei que a câmera assusta e deixa a gente bem longe da zona de conforto, mas as fotos vão refletir o que vocês estão vivendo naquele momento. Não adianta nada ir com raiva, brigado, ou passando mal e querer fotos românticas e alegres. Tentem relaxar, agir o mais naturalmente possível e curtir um ao outro. Sei que não é fácil, mas para o dia ser romântico e descontraído, só depende de vocês.

Cuidado com o excesso de inspiração

Sou suspeita para falar isso, porque trabalho com inspirações o dia inteiro, acho gostoso ver outros ensaios e procurar ideias de roupas, fotos e poses legais. Acho que a ideia fica mais palpável e aquele “medinho do desconhecido” diminui um pouco. Além disso, é sempre bom salvar algumas fotos para mostrar para o fotógrafo e dar uma ideia do estilo que vocês gostam. O cuidado importante a ser tomado aqui, é para não querer colocar coisa demais em prática. Imagina o trabalhão que vai dar se vocês quiserem fazer piquenique, varal com data, trocar de roupa 3 vezes, fotos com aquele pozinho colorido, guerra de balões e ainda uma lista de poses que viram na internet?

E como estou muito apaixonada pelas fotos e super ansiosa para ver todas, vou deixar mais uma aqui, pra todo mundo ficar ansioso junto comigo!

 

Comente ♥